SIGA A DALLA SOLUÇÕES E RECEBA TODAS AS NOVIDADES NAS SUAS REDES SOCIAIS

 
 

CONHEÇA OS TIPOS
DE ATAQUES PHISHING

Ataques phishing ainda atormentam pessoas físicas e empresas pelo mundo. E já aviso antes: a preocupação com cibersegurança vai ser a mais nova obsessão de 2020.

Descubra abaixo quais são os tipos de ataque phishing e algumas dicas para não ser pescado por esse cibercrime.

 

O QUE É PHISHING?

Segundo o TechTudo, o phishing é um dos ataques mais corriqueiros na Internet ultimamente, pois se trata de um golpe relativamente fácil de ser aplicado e atinge vários usuários ao mesmo tempo.

Basta uma pessoa clicar em um link malicioso para ter dados pessoais roubados, como senhas de banco e, dependendo do tipo, até espalhar vírus e trojans à lista de contatos do celular ou redes sociais.

 

TIPOS DE ATAQUES PHISHING

Whaling: whale é baleia em inglês. Ou seja, trata-se de pescar “um peixe grande”, que no caso significa um executivo de alto nível. São ataques que geralmente se apresentam como notificações internas da empresa ou intimações judiciais.

Clone phishing: um site falso é criado visualmente igual ao original para coletar dados do usuário, como login e senha, por exemplo. Em seguida, ocorre um redirecionamento do site falso para o verdadeiro, assim o usuário não percebe a interceptação de dados.

Smishing: é o phishing via SMS. Geralmente traz uma mensagem que deixa o usuário preocupado ou ansioso para que ele realize uma ação imediata por impulso.

Blind Phishing: é um ataque em massa, disparado por e-mail, com o objetivo de fisgar o maior número possível de usuários desavisados.

Spear phishing: é o oposto do blind phishing, direcionado contra um alvo específico, como funcionários de uma determinada empresa ou pessoa. Nesse tipo de ataque, o objetivo é acessar uma informação específica.

Vishing: utiliza canais de voz para a realização do ataque. Pode vir como uma mensagem via SMS solicitando que entre em contato com determinado número, ou pode ser uma ligação telefônica direta. Nesse caso, o golpista usa recursos para esconder a identificação de chamada.

Pharming: atinge muitos usuários ao mesmo tempo, pois o golpista provoca o chamado “envenenamento do DNS”, isto é, ele faz com que o usuário seja redirecionado para um falso.

DICAS PARA NÃO CAIR EM ATAQUE PHISHING

SOLUÇÕES DE CIBERSEGURANÇA:
PEÇA ORÇAMENTO JÁ!

Criptografia-de-Dados

Entre em contato com a Dalla Soluções e consulte valores e benefícios de soluções de cibersegurança e cloud computing.

CLIQUE AQUI E FALE COM UM ESPECIALISTA

 

SUA MISSÃO: compartilhar esse texto com um colega de trabalho!

 

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no skype
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Outros

Quer receber conteúdos sobre tecnologias e gestão em TI no seu e-mail?

FALE COM NOSSOS ESPECIALISTAS

Peça um orçamento, tire dúvidas e converse com os nossos especialistas.